Administração por objetivos

Administração por objetivos

É uma expressão cunhada por Peter Drucker em 1955 no livro "A Prática da Administração". É um procedimento sugerido que consiste na aplicação prática de planeja, organizar e controlar. No livro "A Prática da Administração" é necessário definir objetivos em áreas chaves de desempenho, tais como:
Participação do mercado;
Inovação;
Produtividade;
Recursos físicos e financeiros;
Rentabilidade;
Desempenho e aprimoramento gerencial;
Desempenho e atitudes dos trabalhadores;
Responsabilidade pública.

A APO

A APO serve como modelo da avaliação de desempenho, pois uma vez que o chefe definiu os objetivos e transmitiu a cadeia de comando abaixo ele pode avaliar os resultados.

Os três princípios básicos da APO:
Objetivos Específicos: metas quantitativas devem ser definidas para as principais áreas de resultados;
Prazo: as metas devem ser cumpridas dentro de um prazo definido. Existe a questão do prazo intermediário para se rever às metas pré-liminares;
Feedback: o desempenho da equipe é avaliada no final do prazo. No final do prazo um novo plano de ação é definido para o período seguinte.

Enfoque behaviorista

Teoria  da hierarquia das necessidades de Maslow
A noção de que as necessidade humanas estão organizadas numa espécie de ordem ou hierarquia desempenha um papel importante no estado da motivação. Uma das principais teorias que se baseia nessa noção foi proposta por Maslow que afirmava que as necessidades humanas ão divididas em cinco categorias:

Necessidades de auto-realização (competência plena);
Necessidade de estima (auto-estima e avaliação);
Necessidade social (amizade, amor, etc..);
Necessidade de segurança (proteção do perigo);
Necessidades básicas (fome, sede, sono, etc...).

De acordo  com a Teoria do Maslow se pode afirmar:
  • As necessidades fisiológicas estão na base da hierarquia. As pessoas procuram satisfazê-la antes de se preocupar com as de nível mais elevado;
  • Umas necessidade em que ponto da hierarquia precisa der atendida antes que a necessidade do nível seguinte se manifeste;
  • Uma vez atendida, uma necessidade deixa de se sentir. A pessoa passa a ser motiva pela ordem seguinte das necessidades;
  • Mesmo a pessoa atingindo o mais alto nível da pirâmide, caso uma das necessidades inferiores sejam abaladas, essas passas a ser as mais importantes.

0 comentários:

Leia também

 

Copyright © De Tudo e Mais Um Pouco! Design by O Pregador | Blogger Theme by Blogger Template de luxo | Powered by Blogger