As Teorias dos dois fatores de Herzberg

As Teorias dos dois fatores de Herzberg

Segundo Herzberg, a motivação relacionada ao trabalho é baseada em dois fatores:

a - Fatores higiênicos: relacionados com o meio ambiente onde as pessoas atuam. São fatores determinados pelas organizações fora do controle das pessoas e, portanto, da responsabilidade das empresas. A expressão higiênico é devido ao fato de prevenir e evitar fontes de insatisfações, pois constituem fatores tradicionalmente utilizados pelas organizações sem grande impacto no que se diz respeito a motivação;

b - Fatores motivacionais: são relacionados com o conteúdo do cargo, às tarefas e aos deveres relacionados com o cargo em si. O termo motivação envolve sentimentos de realização, de crescimento e de reconhecimento profissional manifestado por meio de tarefas e atividades que oferecem suficiente desafio e significado para o trabalho.

Fatores Motivacionais (Conteúdo do Carga/Desafios).

Fatores Higiênicos (Condições que o trabalho é realizado).

Trabalho em si
Estilo de liderança
Realização de algo importante
Relações Pessoais
Exercício de responsabilidade
Salário
Possibilidade de aprendizagem
Politicas de Administração de RH
Possibilidade de crescimento
Condições físicas e segurança do trabalho

Teoria X e Teoria Y

McGregor compara dois estilos de administrar.
O primeiro estilo se baseia na teoria tradicional e mecanicista o que deu nome de Teoria X.

Pressupostos:

O homem é indolente e não gosta de trabalhar. Trabalha o mínimo possível em troca de recompensas salariais;
Não gosta de assumir responsabilidade, pois falta-lhe ambição;
O homem é egocêntrico e seus objetivos pessoais se opõem aos da organização:
A sua natureza leva-o a resistir mudanças;
O segundo estilo de baseia nas concepções modernas a respeito do comportamento humano a que deu o nome de Teoria Y.

Pressupostos:

A maior parte das pessoas encara o trabalho de forma tão natural como alimentação e sono;
A média das pessoas gosta de assumir responsabilidade;
O trabalhador é capaz de exercer autodireção e autocontrole;
A imaginação, criatividade e a capacidade para tomar boas decisões constituem qualidade de muitas pessoas, não sendo características exclusivas dos gestores;
A Teoria X está mais próxima da visão clássica da natureza humana enquanto a Teoria Y se harmoniza com a tradição das Relações Humanas.

0 comentários:

Leia também

 

Copyright © De Tudo e Mais Um Pouco! Design by O Pregador | Blogger Theme by Blogger Template de luxo | Powered by Blogger